terça-feira, 1 de março de 2011

As loucuras de Crispim


Neste post você ira conhecer mais sobre a historia deste personagem cômico e desigual. O Crispim. E estarei respondendo algumas perguntas enviadas.

A peça 3 ferramentas foi baseada em uma das pregações do nosso líder Caíque de Oliveira. Foi montada coreograficamente em torno de um mês e a parte teatral em 3 dias. E foi nesses 3 dias que surge o inusitado Crispim

No dia 12 de fevereiro de 2009 estreiou a peça 3 ferramentas


O Crispim tem alguma semelhança com o Samuel?

Acho que a sinceridade em ver as coisas como são e um pouco sarcasmo rsrsrsrs.



Quando o Caíque te entregou os papeis já estava pronto a imagem do crispim na cabeça dele ou você terminou de descobrir a personagem?

A primeira idéia é que o Crispim fosse um contador de historias clássico ( narrador muito serio) e ele contaria a historia de Noemi, Orfa e Rute. Lembro que nas cenas mais antigas havia uma escada em que ele brincava e dormia, ainda não havia o nome Crispim ( que só surgiu depois de algumas semanas depois da estréia , necessitava de um “up” que foi a cena do hospício boa esperança).

Com o passar do tempo fui descobrindo quem era essa personagem chamado Crispim e assim acrescentei manias, movimentos e pensamentos ao personagem.




O que significa Crispim?

O nome Antonio Carlos Crispim ( Crispim ) foi dado pelo caíque, nas primeiras apresentações confesso que não gostava do nome, mas com o passar do tempo percebi que esse nome teria muito mais efeito do que imaginava. Nas primeiras encenações testei vários nomes e todos foram fracassos rsrsrsrsrsrs.

O nome Crispim não tem significado algum imposto por nós, apenas por ser um nome humano, esse foi o motivo a ser colocado.


aniversário do lider caique ( Geisiel e Samuel de fazendo sátira do diabo do "jardim do inimigo")


A voz dele surgiu de onde, fez algum laboratório?

Nas primeiras apresentações utilizava a voz natural, no decorrer do tempo, estando com equipe, em uma de nossas brincadeiras nos bastidores, comecei a prestar atenção em algumas vozes que fazia, e este foi o primeiro passo para alcançar a voz do Crispim. Quando foi acrescentada a cena do enfermeiro (com Paulinho Ocanha) e o Crispim, novas alterações de voz foram surgindo. Primeiramente as vozes dos dois eram praticamente iguais apenas mudava o “sotaque”, o Crispim era mais “infantil” e enfermeiro era muito “caipira”.

A parte corporal também foi e é um processo muito divertido e difícil. Me inspirei em dois primos que tenho e também é claro em algumas técnicas de clown utilizando a idéia do “Augusto e Branco”. Na idéia dos primos, o primeiro é o Lucas uma criança levada “a mil por hora” que nunca para, o segundo foi o Higor uma criança mais tranqüila e observadora e as manias vocais dele foram uma das principais fontes de estudo.

A mesma transformação foi para o lado maligno do Crispim, toda vez que ele Poe o chapéu o esse lado toma forma nele ( com a nova cena colocada no final de 2010 ficou mais claro) a voz que utilizo e uma voz mais empostada e sarcástica.

Já ocorreram erros em cenas de trocar as vozes rsrsrs.

Aconteceu em uma época ter que fazer o papel de Boaz ( o herói) naquele tempo o Well (Welington) tinha saído da Cia e tive que substituí-lo , e em uma cena em que Boaz pede a mão de Rute eu fiz com a voz de Crispim foi uma comédia.



Da primeira vez que você interpretou já saiu o crispim de 2010 que agente conhece?

Não, era completamente diferente. Acho incrível como as coisas são alteradas em cada mudança da cena que foram centenas ou até mesmo na mudança do português para o espanhol rsrsrs.

E também nas trocas de parceiros em cena, o personagem estava “vulnerável” a alguma alteração de idéias, pois na verdade ele é um clown e creio que quando trabalhamos com clown precisamos estar sensíveis ao que acontece a nosso redor e também com as personagens que estão em cena juntos.

Muitas vezes quando o pessoal estava exausto para fazer a peça tive que aprontar alguma com eles em cena (ainda bem que o personagem me da essa liberdade de improviso) .

Na alteração de enfermeiro (Paulinho Ocanha) para a atual enfermeira ( Fabiana Rowlands) tive que modificar algumas idéias na mente dele, o que ficou mais forte foi a fascinação para com a Rute ( Rafaela paes) como ele mesmo diz “a chocolatinho”



Paulinho Ocanha era antigo enfermeiro e atual enfermeira Fabiana Rownlands

Sobre a maquiagem, porque essa maquiagem é a do crispim? Quem a decidiu foi o maquiador? A maquiagem tem alguma coisa a ver com a personagem?

É algo que foi mais alterado no crispim rsrsrsrs.

No começo utilizava somente uma base branca ( faixa nos olhos ) de boca preta e uns toques de amarelo. Com o passar do tempo, em uma viagem no nordeste, a maquiagem tinha acabado e não tinha mais amarelo e em lugar algum vendia. Foi ai que utilizei o alaranjado e a partir daí começaram as alterações e a cada mês alterava alguma coisa. Hoje é algo completamente diferente. Tive a supervisão da Carol Toledo (maquiadora) que me ajudou muito e do Allan ferc ( figurinista) que simplificou a idéia através do figurino, assim maquiagem foi decidida com a passar do tempo em determinadas situações. Como meu amigo Allan ferc disse “o Crispim e como um personagem que pulou de um quadro para a peça”.




Eu acho incrível como você muda de personagem e de voz rapidamente ... o Crispim é um personagem isolado do “acusador”, na peça ou é o mesmo?

Além da doçura e da inocência do Crispim, no decorrer da peça vemos também uma outra personalidade, um ser irônico, que não tem nada haver com a primeira personagem. Ele sofre de uma dupla personalidade (por isso ele é louco) toda vez em que ele Poe o chapéu o “outro lado” do crispim toma a vez e com uma arrogância esconde o doce Crispim.


a dupla personalidade


O que você acha das pessoas que assistem à peça gostarem tanto dele?

Acho incrível como muitos percebem os segredos que o ator e a personagem têm e acho gratificante quando alguém fala comigo que compreende perfeitamente o que se passa com ele. É divertido quando repetem as piadas e as brincadeiras, principalmente deficientes auditivos que se maravilham pela parte de LIBRAS que o Crispim faz. Quando uma pessoa diz que é muito bom vejo o quanto Deus é criativo em dar essas idéias, pois é claro tudo quem fez foi Ele. A criatividade de Deus não tem fim.

Mas infelizmente temos vivido um período que as pessoas preferem copiar do que criar, alguns copiam a peça ou até mesmo o personagem como temos visto e fico triste por isso, não porque fazemos a peça, mas porque além de não saberem o processo criativo também tentam limitar Deus em sua criatividade. Creio que assim como Deus deu para mim e para o Caique as idéias, ele também irá gerar em quem estiver decidido a receber.

Estamos vivendo em um tempo em que o fast food é melhor e esquecemos que o criar é mais gostoso. Isso serve para nossa vida espiritual também.





Você sabe que todo mundo gosta do crispim.. essa é a expectativa que você esperava?

Nunca achei que ele teria essa resposta, gosto muito de fazer o que faço. Ver senhoras rindo, crianças com semblante triste, sorrindo. Pessoas de outras nações entendendo tudo sem mesmo abrirmos a boca. Já ministramos em favelas, igrejas subterrânea, escolas publicas e tantos outros lugares inusitados e vemos o quanto Deus pode colocar uma alegria diferente em nossa vida, e pessoas aprisionadas serem libertas por um simples sorriso.




Como é viver com esse personagem?

Muitas vezes senti o quanto é difícil entrar em cena para transmitir alegria e estar passando por um momento triste e cabisbaixo, e em todas essas situações o Senhor me envolveu com sua alegria. Saber alegrar um amigo na hora da tristeza, também tentar surpreender Deus com brincadeiras cômicas, gosto muito de tentar fazer Deus sorrir com o Crispim , e em todas elas ele se revelou com alegria. “ser palhaço não é fácil”





Tacacá com Milk-shake é bom?

Além do crispim tenho dois outros personagens que faço. Um é a Maria Malboro ( que é uma senhora fumante e completamente louca) e o outro é o Abel Cloves ( assessor de comunicação) e foi esse cômico Abel que teve a deliciosa experiência no Norte do Brasil , ele misturou um prato típico do norte chamado tacacá ( quem tem o jambú uma folha que dá uma sensação de anestesia) com milk-shake e essa mistura causa grandes “alegrias” pra ele rsrsrs ( em breve postarei os vídeos dele no blog) .


Obrigado.

Obrigado ao nosso líder e diretor Caíque de oliveira que me deu a oportunidade de assumir esse papel maluco.

Ao coordenador Willian que alem de ter paciência de corrigir meus erros de português também tem me ajudado no aprimoramento do Crispim.

A Carol Toledo por lapidar minha idéias na maquiagem

Ao Allan ferc pela idéias do figurino

Ao Paulinho Ocanha por ter me ajudado inúmeras vezes em novas possibilidades com o crispim

A fabi rowlands por ter coragem de assumir um papel tão difícil, e por ter dado conta do recado.

E a quarta equipe da Cia. Por seguir em frente.

Bom pessoal esse é um pouco do crispim, muitas coisas vivemos e muitas coisas viveremos e em todas elas temos o Senhor por dono e criador , obrigado Deus pelas alegrias dada a cada manhã.

OBS: Caso queira fazer alguma pergunta deixe nos comentários que estarei publicando nesta matéria.

apresentação em espanhol com fabi rowlands como enfermeira (Espanha 2010)



apresentação com Paulinho Ocanha como enfermeiro (Brasil 2009)

16 comentários:

  1. Querido,
    Amei ler este post.
    Um verdadeiro aprendizado.
    Parabéns por sua persistência,pois pude ver de perto(um pouquinho)como não é fácil mesmo.
    e, principalmente parabéns por se apresentar e se disponibilizar para fazer o trabalho do Senhor e usar tão maravilhosamente os dons que Ele te deu.
    Te amo. ILY 4 ever.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Muito fera essa tragetória do Crispin. A Fabi ta ótima na peça, sem falar que o espanhol acaba deixando a peça mais engraçada.
    Samuel, uma das coisas que me chama atenção quando assisto a peça é a maneira como vc muda rapidamente a personalidade do Crispin quando veste o chapéu. Foi muito dificil conseguir chegar a esse ponto, houve confusão? Pois vc praticamente troca de personagem.

    ResponderExcluir
  3. Os textos do Crispin e da enfermeira, inicialmente existiam, ou foram criados através da Imporovisação ao longo das ministraçõess? Brigadu Samuel!! :D

    ResponderExcluir
  4. Muito Bom Samuel :D
    Deus continue auprindo todas as necessidades deste ministério tão lindo.

    ResponderExcluir
  5. Na sua opinião o Crispin é um Personagem completo ou voce acrescentaria algo mais?

    ResponderExcluir
  6. Muito legal esse blog...

    ResponderExcluir
  7. Nossa, parabéns! Amei!
    Bom saber da construção do personagem...
    Seu blog tá cada vez melhor mano!

    Deus te abençoe =)

    ResponderExcluir
  8. esse crispin é muito comédia , e tb muito usado por Deus na hora do revelamento srsrsrsr

    ResponderExcluir
  9. respondendo a pergunta ai do meu xará Paulinho, os textos surgiram em cena mesmo! claro q com sugestoes e ideias fora do palco, mas foi basicamente se tornando texto atraves de improvisos! saudaaade imensas do Crispim e de fazer o enfermeiro!

    ResponderExcluir
  10. Simplismente maravilhoso!!
    Que o Senhor continue dando forças e capacitando-o cada vez mais!

    ResponderExcluir
  11. Oie Samuel!!!Amei essa sua postagem...que bom saber que Deus está usando e transformando sua vida a cada dia em favor do Reino Dele!!!
    Fica na Paz do Senhor querido...Bjus Saudades de vc

    ResponderExcluir
  12. Amei, Tirou todas as minhas curiosidades a respeito do crispim. Samuel, vc é sensacional, a criatividade que Deus lhe é linda. Parabens!! Que o Senhor continue usando vcs assim.
    Ah, uma pergunta: O caique tem planos pra gravação de um dvd das 3 ferramentas?
    Deus abencoe.

    ResponderExcluir
  13. Ai que saudade do Paulinho ministrando com Crispim... Deus abençoe vcs meninos sepre, Quer Tapioca Crispim???????? amoooo

    ResponderExcluir
  14. Para se criar um clown é um período doloroso, pois vc faz uma ampliação da natureza do homem, ruim (Branco) e boa (Augusto), foi demorado um clown q criei; mas é possível ñ copiar idéias mas inventar, faço um poeta q declama poesias a Deus e procura nas pessoas inspiração para escrever!!! Fiz esse clown por causa do Crispim - Não é imitação...Agradeço a Deus por sua vida Samuel, Deus Abençoe!!!

    ResponderExcluir
  15. muito bom vc realmente é usado pelo criador para trasformar muitas vidas.Continue sempre assim.UM cheiro pra todos como se diz aqui na Bahia.

    ResponderExcluir
  16. já tive a oportunidade de ver essa peça e DEUS falo no meu coração de uma forma tremenda que nosso senhor JESUS possa esta cada dia mais vós abençoando, grande abraço e fique na paz!

    Alexandro barreira Cia Corpus!

    grande abraço...

    ResponderExcluir